MC-Bauchemie

Desafios & Aplicações

REABILITAÇÃO EFICIENTE DE MANUAIS E ESGOTOS DANIFICADOS

O Sistema de Esgoto está sujeito a altos e permanentes ataques biológicos, químicos e mecânicos, desenvolvendo sinais significativos de desgaste ou dano após um curto período de tempo. Tais fenomenos podem colocar em risco toda a estrutura e, no caso de vazamentos ou falhas funcionais, também colocam em risco o meio ambiente. Em vez de uma substituição completa com elevados custos, o revestimento das caixas de visita e áreas danificadas por uma argamassa mineral de alto desempenho é uma alternativa eficiente e económica. Com o ombran MHP-SP 3000, a MC-Bauchemie oferece uma nova geração de revestimento mineral que é aplicado nas paredes das caixas de visita ou de esgoto, protegendo-as com um alto nível de resistência química e mecânica. Certificados como grau B2 / XWW4, eles satisfazem os mais altos requisitos para argamassas de revestimento e são ideais para aplicações automatizadas com o MRT (Manhole Rehabilitation Technology), disponibilizado pela MC-Bauchemie. Com isso, as vantagens do material descritas são combinadas com um processo de aplicação otimizado que permite que as caixas de visita sejam revestidas mais rapidamente, de forma mais simples, mais confiável e com maior eficiência de custo, além de garantir o aumento da qualidade.

PROTECÇÃO CONTRA A EXPOSIÇÃO AO ÁCIDO

Na indústria privada, mas também no setor público, as estruturas de esgoto precisam suportar condições de operação excepcionalmente difíceis. Os materiais ligados ao cimento são frequentemente levados para além do limite da capacidade de desempenho, uma vez que entram em contacto com meios acídicos e ácido sulfúrico biogénico. Na faixa de pH abaixo de 3,5, ou sob condições de grande variação no valor do pH, os componentes podem sofrer sérios danos. O sistema de revestimento ombran CPS da MC-Bauchemie protege as paredes do esgoto e caixas de visita contra ataques extremos. A tecnologia de silicato híbrido oferece máxima resistência química, tanto em faixas de pH ácidas quanto básicas. Uma reacção de trimerização dá origem a uma matriz densa, mas ainda permeável ao vapor de água, que é impenetrável para substâncias nocivas. Isso efetivamente impede também danos causados ​​por osmose na presença de penetração de humidade.

REPARAÇÃO DE ESGOTOS NÃO ACESSÍVEIS COM ROBÓTICA

Danos encontrados em partes não acessíveis do sistema de esgotos podem incluir fissuras, falta de seções de parede e vazamentos nos soquetes e conexões laterais. A reabilitação duradoura de tal degradação é vital para alcançar prevenção de vazamentos, estabilidade e, acima de tudo, proteção ambiental. No entanto, o trabalho de reparação será sempre dificultado devido à falta de acessibilidade. Portanto, é essencial usar tecnologias complexas de robot e materiais de reabilitação especificamente alinhados a esses processos. O sistema de resina epóxi Konudur Robopox 10 da MC-Bauchemie representa uma solução confiável e versátil na reparação com auxílio de robot, de esgotos não acessíveis e pode ser usado com uma ampla gama de diferentes sistemas de robot. Com cura a frio ou quente - e até mesmo debaixo de água - e exibe excelente aderência, boas propriedades mecânicas e alta resistência a ataques químicos. O Konudur Robopox 10 pode ser usado tanto para a reabilitação de conexões laterais defeituosas quanto para a reparação de fissuras, defeitos e falhas de conexão.

Downloads

abs 123 abs 123 abs 123 abs 123 abs 123 abs 123 abs 123